11 de jan de 2012

Nosso Último Verão - Ann Brashares

Na vila de Waterby em Fire Island, os ritmos e rituais são sacrossantos: as cerimoniosas chegadas e partidas de barca, os jantares no iate clube com sua comida terrível, e as vistas de tirar o fôlego; o decreto tácito contra sapatos; e o desfile de gerações de crianças bronzeadas e cheias de areia, correndo, nadando, gritando e crescendo na praia. Nosso Último Verão é a encantadora e emocionante história do triângulo de amizade praiana entre jovens adultos para quem o verão na vila de Waterby significavam tudo. Ao longo de toda sua vida, as irmãs Riley e Alice, agora em seus vinte anos, retornavam à modesta casa de praia de seus pais a cada verão. A pequena e tenaz Riley é uma moleca e uma salva-vidas, sempre pronta para um mergulho à meia-noite, um velejo tempestuoso ou uma disparada de pés descalços ao longo da praia. A bela Alice é doce, maleável, uma leitora e pensadora, e admiradora de sua irmã mais velha. E, crescendo na grande mansão que eclipsa a humilde casa das irmãs, vivia Paul, um amigo tão importante para as duas meninas quanto o próprio lugar e que agora finalmente volta à ilha após três anos de ausência. Mas seu retorno marca uma estação de tremendas mudanças, e quando uma atração fervilhando em silêncio, uma séria doença e um grande segredo colidem, os três amigos são lançados num mundo adulto desconhecido, um mundo contra o qual seu refúgio de verão já não pode protegê-los. Ann Brashares conquistou milhares de fãs com sua série de arrasador sucesso, A Irmandade das Calças Viajantes, na qual capturou poderosamente as complexidades emocionais da amizade feminina e do amor adolescente. Com Nosso Último Verão, ela segue em frente para apresentar um novo elenco de personagens e relações adultas tão verdadeiras, comoventes e inesquecíveis quanto. Com calor, humor e sabedoria, Brashares nos faz sentir as alegrias e dores excruciantes do amor - tanto platônico quanto romântico. Ela nos faz recordar a força e a ferroada da amizade, a grande dor da perda e o complicado peso da lealdade em família. Reflexivo, lírico e tremendamente emocionante, Nosso Último Verão é uma pungente celebração do verão e da nostalgia da juventude.

Nenhum comentário:

Postar um comentário